Portal da Educação | https://educacao.jundiai.sp.gov.br

Núcleo de Educação Patrimonial

A Educação Patrimonial tem por finalidade desenvolver ações educacionais voltadas para o uso e apropriação dos bens culturais; desenvolver exposições (temporárias, de longa duração e/ou itinerantes) abertas à comunidade; desenvolver atividades para o resgate e registro de histórias de vida, manifestações culturais, religiosas e outras formas de saber-fazer; desenvolver atividades voltadas para todos os profissionais da rede.

História

A Empresa Argos Industrial S/A foi administrada pelo seu dono Ernesto Diedrichsen, mas o grande nome da empresa foi o húngaro Estevão Kiss, que veio para o Brasil no final da década de 20, como tecelão. A partir de 1930 tornou-se o diretor técnico da fábrica, permanecendo no cargo até 1947. Essa fábrica era chamada de “orgulho de Jundiahy”.

Um dos maiores destaques da empresa era o avanço em termos de benefícios sociais. A assistência médica, convênios, cooperativa, eram apenas parte de um leque de incentivos aos empregados. Porém, o que mais chamou atenção foi a creche, cuja pedra fundamental foi lançada em 14 de agosto de 1943. O diretor Estevão Kiss tomou essa iniciativa, porque ele achava injusto acabar o desmame das crianças aos dois meses.

Texto retirado do projeto Conhecer para Cuidar

Quer saber mais sobre a história do prédio que abriga o CIEMPI?

Clique aqui e conheça o Projeto Conhecer para Cuidar, do qual o o prédio do CIEMPI faz parte.